Padres do Sul de Minas gravam disco e já tem data para turnê internacional


Depois de frequentarem o mesmo seminário quando jovens, dois padres que se formaram juntos se renderam à carreira musical em São Sebastião do Paraíso (MG). Rodrigo Papi e Sérgio Bedin gravaram um disco e estão com a agenda de shows lotada. Para o próximo ano, tem até apresentação internacional.

Natural de Itajubá (MG), aos 17 anos Rodrigo Papi foi para o seminário na cidade de Brodowski(SP). Na época já cantava, era barítono e logo ingressou no grupo de canto. Foi aí que conheceu o padre Sérgio Bedin, que é tenor.

“As comunidades hoje são muito acolhedoras, principalmente quando chega um padre novo na cidade. Eu fui muito bem recebido por aqui”, disse o padre Rodrigo Papi.

Depois de ordenados, eles seguiram rumos diferentes, mas se reencontraram em São Sebastião do Paraíso (MG). Uma delas fica no município, a outra em Pitangueiras (SP). E nos últimos 15 anos, cada um deles gravou um disco e foi depois de um encontro, em uma igreja na cidade mineira, que eles se uniram novamente.

“A música começou a entrar na minha vida, comecei a aprender violão e ela chegou como um presente e um dom”, disse Rodrigo Papi.

á Sérgio Bedin começou na pastoral. “A música faz parte da minha vida. Comecei a cantar não apenas no seminário, mas na igreja, casamentos, encontros”, lembrou.

Disco em dupla
O trabalho dos dois padres ganhou força com a gravação de um CD, que além de auxiliar na evangelização,  tem um estilo bastante moderno.

Com linguagem acessível, eles escolheram a canção ‘Santíssima”, que cantaram juntos há 15 anos, para o lançamento da dupla. A música já ganhou, inclusive, um videoclipe. “Foi uma maneira de resgatar as lembranças e agradecer por esta nova etapa. A música consegue chegar no interior de cada pessoa, mobiliza as pessoas a se aproximarem mais de Deus e uma das outras”, disseram os padres.

A união deu certo, tanto que a partir do disco “Só um Deus”, começaram a chegar convites de diferentes locais, o que surpreendeu os religiosos. “Esperávamos divulgar o trabalho nas igrejas deMinas Gerais e São Paulo, mas os convites estão chegando de longe”, comentaram, antes de brincar com o estilo musical.

“As pessoas sempre perguntam se é uma dupla de padres sertanejo, mas sempre esclarecemos que não, nossos estilo é mais pop, músicas de oração e louvor, realmente para todas as idades”, acrescentou Bedin.

Tanto que na próxima semana os padres devem se apresentar no Maranhão, em setembro emFranca (SP) e para 2016 já tem agenda confirmada em um cruzeiro internacional, com Buenos Aires e Montevidéu.

Devolutiva do público
E quando não está celebrando missas, Rodrigo Papi  costuma conversar com os fiéis ali mesmo, no banco da igreja. A atenção dispensada faz o sacerdote ser muito querido por todos.

“Para mim, o padre é um pai espiritual. É através dele que chegamos a Deus”, disse a cirurgiã dentista Cristiane Moraes Pádua.

Já a auxiliar administrativo, Cristiane Ferreira Campos disse que sabe do dom dos padres, e aprova. “Muitas vezes as pessoas não vão à missa, mas tendo alguma distração assim, acho bem interessante”, completou.








Fonte:G1

Vende-se casa em Fama no Sul de Minas Gerais

Casa nova com 2 quartos - Copa e cozinha e banheiro - Varanda e banheiro social e lavanderia
  Terreno com 300 metros quadrados - Área livre para outra construção na frente - 
Quintal todo murado - Documentação OK

Localização:

Estância Turística de Fama no Sul de Minas Gerais 
Casa próxima a Represa de Furnas a 5 minutos do centro da cidade

Valor: 195.000,00

Tratar Celular (Tim) 35 9172 3729

Vista parcial com área livre do terreno na frente

Ampla varanda

Copa e cozinha

Banheiro e lavanderia externa

Área livre na frente para construção, piscina, jardim, etc.

Vista da entrada

FENAC - Festival Nacional da Canção começa em Varginha nos dias 7 e 8 de Agosto


Varginha vai receber nos dias 7 e 8 de Agosto a terceira etapa classificatória do maior festival de música do Brasil. 26 canções vão se apresentar no 45° Festival Nacional da Canção que será no salão nobre do VTC a partir das 21h. Duas músicas da cidade foram selecionadas para essa fase que no ano passado trouxe a grande campeã do evento: a música “KD o Ç de Você” de Diego Morais e Márcio Pazim de Chapecó/SC.

Um júri especializado vai selecionar as cinco canções que vão para as semifinais em Boa Esperança (4/9 e 5/9) garantindo, cada uma delas, um prêmio de R$2.500,00. No total o 45º Fenac vai distribuir 250 mil reais e entregará o troféu Lamartine Babo ao grande vencedor. Este ano mais de 3 mil músicas de 22 estados brasileiros se inscreveram no Festival Nacional da Canção. Na próxima semana o Fenac vai estar em São Tomé das Letras  (14 e 15/8), em seguida segue para Guapé (21 e 22/8), Três Pontas ( 28 e 29/8) e Boa Esperança ( 4,5 e 6/9), onde acontecem as semifinais e grande final do evento.

Padre causa polêmica proibindo o uso de boné e bermuda na Festa São Pedro


Em Alfenas, teve início neste final de semana a tradicional Festa São Pedro, que acontece nos dias 31 de Julho até o dia 23 de Agosto.

Uma polêmica toma conta das redes sociais, a comissão organizadora juntamente com o Padre Saggio, decidiram este ano de 2015, proibir os frequentadores da referida festa de usarem bonés e bermudas e outras regras. Inclusive fizeram questão de publicarem em destaque no cartaz de divulgação da festa.

Muita gente reclamou e não gostou.

Algumas pessoas reclamaram que tem o costume diário de fazer o o uso de boné ou bermuda e este ano não iriam comparecer na festa.

Segundo informações levantadas pela reportagem, as pessoas que compareceram na festa São Pedro de boné, não foram convidadas a se retirar e participaram da festa normalmente nas noites desta última sexta-feira (31/07) e sábado (01/08) quando teve início as festividades na comunidade.


O contraditório é que no mesmo cartaz, alguns cantores usam bonés, tocas e chapéus! O cantor Márcio Greick por exemplo vai ter que tirar o boné para cantar na festa ou pode ser barrado na entrada.







Fonte:www.minasacontece.com.br

Radares na Fernão Dias aplicam 107 mil multas em um mês e reduzem acidentes


Apenas no primeiro mês de operação, em junho deste ano, quase 107 mil multas foram aplicadas pelos 19 radares fixos instalados na BR-381, entre São Paulo e Belo Horizonte. Apesar das autuações, o número de acidentes caiu na comparação com o mesmo período de 2014, quando os equipamentos funcionavam apenas educativamente. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (16) pela Autopista Fernão Dias, concessionária que administra o trecho da rodovia.

Os acidentes caíram de 13 para 8 nos locais monitorados pelos equipamentos. Em relação a  toda a rodovia, a queda foi de 13%, de 643 em junho do ano passado para 560 no mesmo mês deste ano.

Os números também revelam que o medo da multa fez os motoristas tirarem o pé do acelerador. Em junho quando foi iniciada a aplicação de multas por excesso de velocidade, foi registrada a redução de 48% no número de acidentes na comparação com o mesmo mês do ano passado. Quando os radares não multavam, foram aplicadas 205.896 infrações. Já no último mês foram 106.904 flagrantes.

A expectativa da autopista Fernão Dias é de que os números de acidentes continuem caindo, devido à conscientização dos usuários.




Fonte:Estado de Minas